terça-feira, 11 de agosto de 2009

Tons - Zinaldo Velame e Luciano Fraga.

Tons

Não houve pai, nem mãe,
Não ouve ninguém
Além da solidão.
Não pede paz,
Nem impede as mãos
De buscar o amor
Com gosto de sal, amor de imensidão...
Amor que só pensa em si
E amor que não pensa em nós, só dói, só dói...
Amor que se diz secreto
E não faz segredo pra ninguém
Que grita num tom atroz
Que é mais que sagrado
Que tem gosto de mar
Que tem gosto demais.
É demais pra mim,
É maior do que nós...
E o meu dom é leve, leve, leve, leve...

Zinaldo Velame e Luciano Fraga.
video

2 comentários:

Luciano Fraga disse...

Zina, com a força de sua música, conseguiu o tom a cor e as notas certas, grande forma,no tempo que "havia quintais",e o velho Ian, arrebenta, abração.

Braga e Poesia disse...

zinaldo, muito bom. ta no meu blog

Bar Delírio

Bar Delírio
Casa da Cultura. Arte de Roque Moraes.

Música de qualidade

Música de qualidade

Artes plásticas

Artes plásticas
Noites felinas. Nelson Magalhães Filho.

E.C. Bahia

E.C. Bahia

Música de qualidade

Música de qualidade
Zinaldo e o poeta Giordano Diniz.

Música de qualidade

Música de qualidade
Hermes Peixoto e Zinaldo. O poema Segredos de amor de Hermes foi musicado por Zinaldo e Ian Ferreira em 2008.